Para sempre Alice

Mais um filme que me encantou. Na história, Alice uma famosa professora de linguística que começa a ter lapsos de memória, esquecendo palavras e se perdendo nas ruas de Nova York. Ao investigar o motivo, ela descobre ser portadora de Alzheimer precoce. Essa descoberta testará os seus vínculos familiares e a levará a perder o que ela mais preza, sua capacidade de se comunicar com clareza.

O filme mostra o medo e a angústia de Alice quando ela começa a se perder de quem era. As dificuldades encontradas pelo marido, que deixa de ser um parceiro e passa a ser um cuidador. As diferenças nas atitudes dos filhos, em relação a querer ou não saber se eles também são portadores da doença e a adaptação à nova vida da mãe.

O tema é muito delicado e foi abordado de forma sensível e bonita. O mais interessante, na minha opinião, foi poder ver os sintomas iniciais e a visão do familiar que também se torna um cuidador. Um dramão, daqueles que nos fazem pensar em como a vida pode se transformar completamente, independente das nossas vontades. Para renovar nossa vontade de viver e nos lembrando de viver o momento e aproveitar o agora.

Julianne Moore ganhou vários prêmios, incluindo o Globo de Ouro, Bafta e o Oscar por este papel.

Anúncios

And the Oscar goes to…

Sou fã de cinema. Acho incrível como podemos nos transportar para uma história e esquecer da vida quando entramos no cinema. Desde pequena, a festa do Oscar me encanta. Os vestidos, os penteados, a expressão de felicidade dos vencedores e os outros indicados disfarçando o descontentamento… e eu ainda podia faltar aula no dia seguinte! 

A 81 ª Premiação da Academia de Artes e Ciências cinematográficas vai acontecer no dia 22 de fevereiro direto do Kodak Theatre em Los Angeles. No site oficial você pode saber mais sobre os indicados, ver vídeos de edições anteriores e ainda pode participar de um jogo fazendo suas previsões sobre os vencedores.

oscar